24/06/2014

Holanda: maior exportadora de alimentos do mundo



Sucesso na Copa do futebol foi a Holanda, dando de 5 X 1 na campeã do mundo Espanha e de virada venceu a Austrália por 3 x 2. E no agronegócio a Holanda é a segunda maior exportadora de alimentos do mundo. Fica somente atrás dos Estados Unidos, e ainda na frente do Brasil, vendendo cerca de 76 bilhões de euros por ano.

Holanda tem apenas 33.800 quilômetros quadrados de território com 17 milhões de habitantes. Na logística dá um show com o porto de Roterdã, 40 km de porto, o maior da Europa e o quarto maior do mundo.

A Holanda se caracteriza por produzir e vender produtos de alto valor agregado. Flores e plantas ornamentais, são os maiores em batatas, em cebolas, exportam ¼ dos tomates do mundo, altíssima qualidade em hortaliças, frutas, queijos, lácteos.

Tem uma produtividade no agronegócio cinco vezes superior do que a média da Europa, são líderes em máquinas para processamento de alimentos, e contam com o segundo maior investimento mundial em pesquisa para o agronegócio. A universidade de Wageningen é reconhecidamente um dos principais centros de estudos do planeta.

Ou seja, país pequeno, cheio de diques, inflação de 1,8% ao ano, um dos 10 melhores países para se viver no planeta e ainda ganha de nós, os brasileiros, no movimento sofisticado do seu setor de agroalimentação, além de um extraordinário modelo de cooperativas.

São grandes no agronegócio, um modelo de logística, qualidade e organização, mas no futebol, dá mais Brasil.

Por José Luiz Tejon Megido, Diretor Vice Presidente de Comunicação do Conselho Cientifico para a Agricultura Sustentável (CCAS).

Via BeefPoint. O ponto de encontro da cadeia produtiva da carne.

Nenhum comentário:

Postar um comentário